terça-feira, maio 22, 2012

Carta à Estação



Amigos,

Domingo passado meu coração foi tomado de preocupação excessiva com nosso compromisso com a fé. Percebo entre nós alguns que tem banalizado o sagrado, zombado do divino, e ignorado as consequências de se brincar com o Nome Santo.

Sei também da disposição de muitos, e sou grato pelo investimento de muitos no ministério que exerço.
Desde o começo do ano que apostei alto para proporcionar melhor espaço onde o ensino do Evangelho, a fraternidade e o acolhimento clínico-pastoral pudessem acontecer, mas a manutenção disso não tem sido fácil.

Caímos naquele erro de só ajudar quando muito solicitado, quando as necessidades são diárias. Às vezes penso se é por falta de informações que isso acontece. Sinceramente não me vejo prestando relatórios de atividades para ter que mobilizar alguns. Mas, se desejarem saber, todos os meus atendimentos são gratuitos, e atendo todos os dias pessoas aflitas, por telefone, email, redes sociais, em locais públicos e aqui na estação. Ajudamos algumas pessoas financeiramente, permitindo-lhes ter o mínimo. Mantemos a estação funcionando, realizando os cultos dominicais. Ajudamos alguns grupos de amparo a necessitados, fora as atividades do Caminho da Graça.

Sei que nenhum de vocês está obrigado a nada. Porém me lembro do trabalho voluntário prometido. Porém tais trabalhos não geram compromissos. Muitos começam e não terminam, muitos se dispõe um dia e depois não mais. E não é porque é voluntário que não deve ter a mesma qualidade, prazo de tempo, disposição, etc. Mas não é assim que acontece, infelizmente.

Por que, quando alguém é “voluntário”, demora o dobro do tempo, entrega com atraso sem dar muitas satisfações ou simplesmente desiste no meio do caminho?

Ser VOLUNTÁRIO, para mim, é me auto-obrigar a algo! É usar da minha liberdade de DAR para DAR como ao Senhor, como à empresa, como à família, como aos meus filhos, como a mim mesmo! É assim que tenho ido feito a minha vida toda.

Todavia, são tempos difíceis. Os homens têm ânimo dobre, inconstantes em seus caminhos e escolhas. Num dia se convertem à Causa, no outro, estão atolados de dívidas por sanear e correndo atrás, vão deixando para trás aquilo que não dá lucro visível, imediato, em “espécime”.

Vocês são testemunhas que nunca forcei ninguém a nada. A gratuidade do nosso chamado é só nossa, não constrangemos ninguém a ter a nossa motivação. Perdoem-me se atingir negativamente alguns, mas falta a muitos respeito por aquilo que dizem ter feito bem a si.

Sei que quando assumi esse caminho não pedi autorização para vocês. Mas agora, damos a cada um o direito e o privilégio de participar. Se você não puder, ainda assim, sei que tudo vai dar certo, e ao final, ouvirei do Senhor:Porventura vós faltou alguma coisa?

Mas você pode perguntar: como posso ajudar? Primeiro, não preciso só da disposição, mas de compromisso. Se ofertar que seja com o compromisso da regularidade, pois a necessidade é diária. Se exercer atividade logística, lembrar que é todo domingo que ocorrem as reuniões. Se for doação, que seja constante, pois necessidades aparecem sempre.

Por exemplo, quanto a nossa reunião de domingo, preciso de pessoas que tenham compromissos verdadeiros. Sou grato por todas as vezes que muitos de vocês me ajudaram a montar e desmontar a infraestrutura, mas isso acontece todos os domingos. Sou grato aos músicos, mas a reunião é semanal e não periódica. Assim se há entre vocês quem sente vontade de ajudar, estou esperando. A música no caminho tem muita importância, daí me seria proveitoso dedicar-me a pregação enquanto pessoas capacitadas assumissem a música.

Quanto às contribuições, a regularidade é muito importante para a manutenção de tudo. E o espírito correto nos fará dar sem miséria no coração.

Bom, digo isso, porque me preocupo com vossas almas e não com infraestruturas, Deus sabe.

Orando por todos, pelo bem de cada um

Ivo Fernandes
Vosso servo

Meios de Contribuir além das reuniões dominicais,

Contas
BANCO ITAÚ
Ag.: 6540
Conta nº: 07498-3
Conta Poupança: 07498-3/500
ANTONIO IVO SOARES FERNANDES

BANCO SANTANDER
Ag.: 4526
Conta nº: 01079403-5
ANTONIO IVO SOARES FERNANDES

Curso de Dança de Salão


Queridos (as),

Estamos organizando nosso curso de dança de Salão com o professor Samuel Rodrigues, para isso estamos inicialmente sondado o interesse de cada um e os melhores horários. O valor é de R$ 100,00 mensais para o casal.

Quanto aos dias,

( ) Sábados 10hs  (  ) Sábados 19hs  (  ) Domingos 10hs (  ) Outra sugestão _______________

Enviem respostas nos comentários.

terça-feira, maio 08, 2012

Especial Dia das Mães



Amigos,

Neste domingo, dia 13 de maio, iremos celebrar na estação o dia das mães. Será um culto de ações de graças pela vida daquelas que nos trouxeram e nos mantiveram no mundo. Como sempre nossa mesa é feita por todos, tragam alimentos para enriquecê-la.

Se desejar fazer alguma declaração, recitar, cantar, etc. Venha e sinta-se a vontade.

Estamos preparando um painel, para isso precisamos que enviem fotos com suas mães, ou com seus filhos, para o email: kbianca_ce@hotmail.com até quinta-feira.

Na ocasião estarei falando sobre a maternidade divina.

Venham e convidem outros!

Abraços em todos.

Maiores informações sobre como ajudar, ligue: 9924 0368

terça-feira, maio 01, 2012

Ceia Indígena



No mês passado comemoramos no dia 19 o dia do índio. Neste domingo, 06 de maio, celebraremos o Cordeiro de Deus a partir dos símbolos indígenas.

Para isso conto com todos vocês na organização deste evento. Vamos montar uma mesa eucarística com folhas de coqueiros e/ou bananeira, frutas, água de coco e tapiocas. E para nossa mesa ágape, vamos trazer alimentos típicos, como: Tapiocas, Beiju, Alimentos a base de mandioca, Alimentos com açaí, Alimentos com castanhas, Milho, Batata doce, Caju, Guaraná, Mate, Peixe, Pirão, etc.

Nossa reunião começa às 17hs, mais chegue mais cedo para convivência e participação na organização.